Informes do Departamento


Alunos do Curso de Computação devem responder questionário sobre atividades remotas

postado em 19 de jun. de 2020 05:43 por Tiago Massoni

Mensagem do coordenador do curso de Computação: 

"Por favor, aqueles que ainda não responderam à última enquete, façam isso acessando o formulário: https://forms.gle/bnSN4zNemRPfRV4H7. Na próxima segunda-feira teremos uma reunião com a reitoria e seria muito importante ter um quadro o mais atualizado e completo possível sobre a situação do nosso corpo discente. No momento, menos de 50% de vocês preencheram esse último formulário. "

Ex aluna de Computação da UFCG é destaque em empresa de tecnologia dos EUA

postado em 18 de jun. de 2020 08:24 por Edimilson Camilo da SIlva   [ atualizado em 19 de jun. de 2020 05:41 por Tiago Massoni ]


Como estudante de graduação em ciência da computação na Universidade Federal de Campina Grande, ela conseguiu um estágio no escritório de Mountain View, CA da empresa global de plataforma financeira Intuit - os fabricantes de TurboTax, Quickbooks e Mint. No verão seguinte, ela fez outro estágio na empresa, desta vez no escritório de San Diego. "Foi quando eu soube que era onde eu queria trabalhar em tempo integral", lembra ela. “Eu me senti bem-vinda e capacitada para executar tarefas, como todo funcionário em período integral. Mesmo como estagiária, senti que meu trabalho foi valorizado e a experiência de aprendizado foi muito gratificante. ”

Matéria completa AQUI.

Unidade Acadêmica de Ciência da Computação lança portal voltado para as Práticas de Ensino com TICs

postado em 26 de mai. de 2020 10:51 por Edimilson Camilo da SIlva

A Unidade Acadêmica de Ciência da Computação lançou um portal voltado para as Práticas de Ensino com TICs. Nele estão reunidos várias recursos tecnológicos para educação remota, como tutoriais, ferramentas, cursos e relatos de experiência. Tudo para utilização da comunidade universitária.

Na página Ferramentas de Apoio, por exemplo, são apresentadas mais de 30 ferramentas de apoio comumente utilizadas no Ensino Presencial com TICs e no Ensino a Distância (EaD) e que, também, têm sido adotadas por algumas instituições para a prática do Ensino Remoto Emergencial (ERE), em virtude da pandemia de Covid-19. Vale ressaltar que é comum, independente da modalidade de ensino, o uso combinado de várias dessas ferramentas em vez da adoção de uma única plataforma ou recurso.

Já na página "Tutoriais", são listados os tutoriais voltados para algumas das ferramentas listadas na página Ferramentas de Apoio.

Além dos recursos listados acima, o portal também dispões de diversos cursos.

Conheça o Portal clicando AQUI.

Marcha Virtual pela Ciência no Brasil: envie seu vídeo!

postado em 24 de abr. de 2020 12:32 por Edimilson Camilo da SIlva

A manifestação será realizada ao longo do dia 7 de maio e terá divulgação nos canais da SBPC no Facebook e no YouTube. Ao longo da semana que antecede a manifestação, a SBPC divulgará vídeos e depoimentos escritos de representantes das entidades científicas e acadêmicas, pesquisadores, estudantes, professores e amigos da ciência sobre temas de ciência, educação e saúde e convocando para a Marcha. Todos são convidados a participar dessa grande manifestação em defesa da vida, da ciência e do desenvolvimento sustentável do País!

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), junto a suas Secretarias Regionais e Sociedades Científicas Afiliadas, somam forças a entidades de todo o País ligadas à CT&I para a realização da Marcha Virtual pela Ciência no Brasil no dia 07 de maio. Com atividades transmitidas pelas redes sociais ao longo do dia, o objetivo da manifestação é chamar a atenção para a importância da ciência no enfrentamento da pandemia de covid-19 e de suas implicações sociais, econômicas e para a saúde das pessoas.

Os cortes paulatinos e cada vez mais agudos no orçamento da área da ciência e tecnologia, assim com na educação e na saúde, impõem um desafio ainda maior nessa corrida por respostas aos impactos devastadores da disseminação do coronavírus. Laboratórios sucateados, WhatsApp Image 2020-04-22 at 17.15.42bolsas cortadas, redução de insumos, agravados pela campanha de desvalorização do conhecimento científico, tornam o trabalho de pesquisadores no País uma tarefa hercúlea. Ainda assim, cientistas brasileiros se destacam pela qualidade dos estudos desenvolvidos no País e pela intensa campanha de conscientização social sobre cuidados e proteção contra o novo vírus, além de debater medidas econômicas para o enfrentamento da crise. Os profissionais de saúde, na linha de frente do enfrentamento da pandemia, padecem de muitas dificuldades, inclusive de segurança pessoal, e se defrontam com a falta de recursos materiais e humanos.

Marcha Virtual pela Ciência visa reforçar essa luta que já dura anos por recursos adequados para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia, e para a saúde e educação no País, e reiterar os termos do PACTO PELA VIDA E PELO BRASIL, publicado em 7 de abril. O documento, elaborado pela CNBB, OAB, Comissão Arns, ABC, ABI e SBPC e que ganhou apoio de mais de uma centena instituições e associações, pede união de toda a sociedade, solidariedade e conduta ética e transparente do governo, tomando por base as orientações da ciência e dos organismos nacionais e internacionais de saúde pública no enfrentamento da pandemia de coronavírus.

Entre as atividades da manifestação, a SBPC e as entidades que organizam a Marcha realizarão dois painéis de debates no dia 7 de maio – um dedicado à pandemia da covid-19 e o outro abordando o financiamento da ciência brasileira. As Secretarias Regionais da SBPC, juntamente a entidades e instituições científicas locais,  também promoverão atividades direcionadas às suas regiões de abrangência.

Além dos seminários online, as entidades promoverão duas ondas de tuitaços no dia, um às 12h e outro às 18h, com as hashtags #paCTopelavida e #FiqueEmCasacomaCiência.

A Marcha Virtual pela Ciência terá como destaques os seguintes tópicos:

- a importância do isolamento social, recomendado pela OMS, sociedades científicas e da área da saúde, cientistas, médicos e especialistas;

- a crise da ciência no Brasil e a redução drástica dos recursos para CT&I, em particular recursos que ajudem no enfrentamento da grave crise sanitária e econômica;

- o desmonte dos sistemas públicos de educação e saúde, em particular pela ação da Emenda Constitucional 95, e as ameaças antidemocráticas à liberdade de ensino e pesquisa;

- e a necessidade de enfrentar a crise econômica com medidas emergenciais e de longo prazo, que apoiem, em particular, as camadas mais pobres e vulneráveis da população e reduzam a desigualdade social e econômica do País.

Todos são convidados a participar dessa grande manifestação em defesa da vida, da ciência e do desenvolvimento sustentável do País.

Ao longo da semana que antecede a manifestação, a SBPC divulgará vídeos e depoimentos escritos de representantes das entidades científicas e acadêmicas, pesquisadores, estudantes, professores e amigos da ciência sobre temas de ciência, educação e saúde e convocando para a Marcha.

Todos podem participar desta etapa da campanha de produção de depoimentos curtos. Abaixo algumas sugestões de perguntas que os participantes podem responder:

  • Por que a ciência é importante para o enfrentamento da pandemia?
  • Por que o isolamento social é uma ação fundamental neste momento?
  • Que outras medidas devem ser adotadas?
  • Se a ciência brasileira tivesse um orçamento mais adequado, poderíamos estar melhor preparados para o enfrentamento da pandemia?
  • Como a sua pesquisa contribui para o conhecimento e enfrentamento do coronavírus?

O vídeo deve ter duração de 30 segundos a um minuto. O participante deve se apresentar brevemente no início – nome, atividade que desenvolve e que instituição representa. O depoimento pode ser gravado em celular mesmo, em alta definição, com o aparelho na horizontal. Todos os vídeos da campanha serão disponibilizados em uma playlist na TV SBPC, no YouTube, e nas redes sociais da SBPC (Facebook, Twitter e Instagram: @SBPCnet).

Alternativamente, é possível também enviar uma declaração por escrito, em uma frase com até 120 caracteres. Neste caso também solicitamos que a pessoa envie uma breve apresentação – nome, atividade que desenvolve e que instituição representa – junto ao seu depoimento. E se desejar, seu endereço nas redes sociais, para linkarmos.

Todos os depoimentos podem ser enviados para o e-mail oficial da Marcha Virtual pela ciência: marchavirtual@sbpcnet.org.br.

Participe da Marcha Virtual pela Ciência! Vamos nos unir neste #paCTopelavida!

SBPC

Laboratório de Sistemas de Informação da UFCG cria plataforma para monitoramento diário do Covid-19

postado em 8 de abr. de 2020 13:34 por Edimilson Camilo da SIlva

O LSI - Laboratório de Sistemas de Informação da UFCG, coordenado pelo professor Cláudio de Souza Baptista, PhD, desenvolveu uma plataforma diferenciada das demais para visualização e análise de dados do Covid-19 no Brasil, visando mostrar a evolução espaço-temporal desta pandemia de forma regional, estadual e municipal.

A plataforma usa técnicas de geoprocessamento e tem como diferenciais:
1) Visualização de mapas por Região/Estado/Município
2) Visualização de Mapa de Interpolação
3) Filtro temporal para dados históricos ao preencher a data de interesse
4) Gráficos sobre mortes e casos de acordo com Município/Estado/Região

5) Information: Você pode clicar em qualquer território do mapa (geometria) e ver as informações do Município/Estado/Região
6) Aproximação e distanciamento através de zooming
7) Funcionamento responsivo em celular/tablet / notebook/Pc, sem precisar baixar nada

Mais características estão por vir em breve, por exemplo, análise espaço-temporal mostrada em um vídeo, com a evolução da doença por Região/Estado/Município. Possibilidade de realização de filtros diversos. Mais gráficos, etc.

Você pode acompanhar o progresso da pandemia em sua cidade/estado/região em: http://covid.lsi.ufcg.edu.br/

A Plataforma também está sendo replicado no portal de notícias Jornal de Fagundes.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, telefone e texto

Professor de Ciência da Computação cria lojas virtuais para pequenos negócios enfrentarem pandemia

postado em 27 de mar. de 2020 11:11 por Edimilson Camilo da SIlva

Diante de um cenário de incertezas, especialmente econômicas, em que o Brasil e o mundo enfrentam a pandemia do coronavirus (COVID-19), o professor João Arthur Brunet Monteiro, do curso de Ciência da Computação da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), resolveu ajudar pequenos comerciantes usando seus conhecimentos técnicos para criar gratuitamente lojas virtuais.

 

A iniciativa, batizada de Mercado Solidário, conta com a adesão voluntária de alunos e ex-alunos do curso, bem como estudantes de outras instituições e profissionais de empresas da cidade.

 

A ideia é atender quem não tem recurso para implantar uma loja virtual, a exemplo de feirantes, mercadinhos de bairro, espetinhos, vendedores de água, doceiros, entre outros. O professor conta que a iniciativa partiu após ajudar um amigo. “Ele me pediu para fazer um site simples no qual ele pudesse expor seus produtos e um telefone para contato, para poder vender pelo telefone. Eu fiz o site, mas depois notei que vários outros comerciantes pudessem estar na mesma situação. Então acabei decidindo montar um projeto e convidar voluntários para atender mais pessoas”, revela.

 

Após reunião com os voluntários, o projeto foi iniciado na manhã desta quinta-feira, dia 26, e já conta com dois projetos implantados e a equipe já trabalha em mais uma dezena de outras solicitações.

 

Os comerciantes interessados em participar da ação podem preencher o formulário online que a equipe entrará em contato. Acesse:: http://bit.ly/cc-empresas.

 

(Ascom/UFCG)

Dois alunos de Ciência da Computação são premiados no prêmio CAPES Talento Universitário

postado em 27 de mar. de 2020 11:04 por Edimilson Camilo da SIlva

Dois alunos do Curso de Ciência da Computação da UFCG foram premiados no Prêmio CAPES Talento Universitário 2019. O resultados saiu agora no final de fevereiro e tivemos os alunos Amauri Gomes de Oliveira Neto e Maria Eduarda de Azevedo Silva premiados.

A direção da Unidade Acadêmica de Computação parabeniza aos alunos premiados e a todos os professores e técnicos envolvidos nessa conquista.

O Prêmio CAPES Talento Universitário será no valor único de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) cada, perfazendo um total de R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), respeitada a disponibilidade orçamentária e financeira da CAPES.

Veja Edital completo AQUI.

COMUNICADO

postado em 17 de mar. de 2020 12:31 por Jackson Tomé   [ 17 de mar. de 2020 12:43 atualizado‎(s)‎ ]

A Universidade Federal de Campina Grande suspende as atividades acadêmicas presencias como medida preventiva quanto à disseminação do COVID-19 (corona vírus).

Computação participa do projeto Baião de Três

postado em 7 de fev. de 2020 03:42 por Edimilson Camilo da SIlva   [ atualizado em 7 de fev. de 2020 04:01 por Tiago Massoni ]

O Curso de Ciência da Computação da UFCG fechou uma parceria com o projeto Baião. O Baião de Três é um projeto multidisciplinar de ensino integrado de empreendedorismo na graduação baseado em vivência, que envolve alunos e professores de Tecnologia, Design e Administração. O projeto é coordenado por Cleone Souza (Design), Hyggo Almeida (Computação) e Verônica Macário (Administração), da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

O QUE O BAIÃO FAZ?

O Projeto Baião de Três promove o aprendizado de princípios de empreendedorismo inovador, reunindo alunos e professores de diferentes cursos no mesmo ambiente. Grupos-Empresas são formados pelos alunos que participam de atividades vivenciais com foco na prática de formação de startups: Design Thinking, Business Model Canvas, Minimum Viable Product, Elevator Pitches.

COMO É EXECUTADO O PROJETO?

O projeto é executado em três fases: integração, na qual os alunos dos diversos cursos participam de atividades para promover a relação interpessoal e compartilhamento de experiências; Produto, na qual os alunos criam produtos utilizando Design Thinking e MVP; Negócio, na qual os alunos criam negócios para os seus produtos, utilizando Business Model Canvas, Análise de Viabilidade Econômica e Elevator Pitches. Ao fim do processo, os pitches são apresentados para uma banca de investidores.

Conheça um pouco mais sobre o Projeto Baião de Três:

Portal: http://baiaodetres.org/#home

Vídeo: https://drive.google.com/file/d/1kryirpgF9kjVev0lmofrvY2P8flccWKC/view

Ingenico anuncia parceria para formação de profissionais

postado em 6 de fev. de 2020 12:05 por Edimilson Camilo da SIlva

Um dos grandes desafios dos profissionais é encontrar formas de aliar conhecimento teórico com experiência prática. Do mesmo modo, encontrar talentos com bagagem técnica e vivência corporativa também pode ser uma tarefa bastante complexa para as empresas. Com base nessas constatações, a Ingenico, líder mundial em tecnologia de meios de pagamento, e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) anunciam parceria de colaboração para a formação de estudantes de graduação e pós-graduação de Campina Grande (PB).

 “O investimento no desenvolvimento de pessoas é um dos valores prioritários da Ingenico, por isso estamos muito felizes com a parceria com a UFCG, que nos permite preparar futuros profissionais para um mercado de trabalho que está em constante transformação”, afirma Fernanda Pinchetti, diretora de Recursos Humanos da Ingenico para a América Latina.

O projeto tem como objetivo aproximar o aprendizado acadêmico e as demandas práticas de uma empresa multinacional com mais de três décadas de atuação e presença em aproximadamente 170 países. O programa, criado há cinco anos e que agora está em uma nova fase, já colaborou com a formação de mais de 100 alunos dos cursos de graduação, mestrado e doutorado da UFCG, além de gerar inovação e novas oportunidades também para a Ingenico no Brasil e em outros países da América Latina, como México e Colômbia.

“Ao levar a realidade corporativa para dentro da sala de aula, estamos ajudando o Brasil a ter mais profissionais qualificados e preparados para atuarem no mercado de trabalho”, afirma Akira Higashi, Engenheiro Especialista da Ingenico. Segundo o especialista, o apoio dos estudantes está, atualmente, concentrado no desenvolvimento de software para diagnóstico e monitoramento remoto dos terminais de pagamento. Novos projetos-pilotos desenvolvidos permitiram a redução de problemas lógicos de máquinas e de cerca de 30% no tempo de análise de equipamentos durante as ações de manutenção.

Coordenado pelo professor Wilkerson Andrade, da Unidade Acadêmica de Sistemas e Computação da UFCG, o programa apoia as ações de manutenção corretiva e preventiva, com sistemas de acompanhamento a distância e checagem virtual, que otimizam o trabalho dos técnicos durante as etapas de reparo e configuração dos equipamentos. A parceria é vista como uma das mais importantes ações de aproximação entre empresas e universidades das regiões Norte e Nordeste do Brasil.

Do ponto de vista da Universidade, o apoio da Ingenico é uma oportunidade de ampliar o conhecimento de professores e alunos sobre as novas de demandas digitais do mercado de trabalho. “Trabalhamos como uma startup dentro da Universidade, acompanhando nosso avanço de forma contínua e com contato frequente com a equipe da empresa, em São Paulo”, explica Wilkerson.

Na opinião do professor, a iniciativa gera uma série de avanços para os participantes. “Estamos conseguindo resolver questões práticas do dia a dia ao formar profissionais preparados para fazer análise e para aturarem na correção de questões técnicas”, afirma. Prova disso é que a parceria entre a UFCG e a Ingenico tem sido amplamente elogiada no País e no exterior, a exemplo do que ocorreu recentemente no Canadá e no Congresso Brasileiro de Desenvolvimento de Software.

De acordo com Higashi, o resultado alcançado não é uma surpresa. “Sempre tivemos uma grande sinergia com a equipe da escola de tecnologia da UFCG, que é uma das melhores instituições do País em termos de formação e pesquisa técnica. Realizamos um processo de seleção, mas rapidamente nos tornamos parceiros da Universidade Federal de Campina Grande. Nossa jornada de inovação continua”, diz

 

Sobre a Ingenico

A Ingenico é uma multinacional francesa, líder mundial no mercado de tecnologia de meios de pagamento. Com mais de 30 anos de atuação, está presente em cerca de 170 países e conta com 8.000 funcionários para desenvolver terminais e soluções diferenciadas para minimizar a complexidade durante transações de pagamentos eletrônicos, garantindo segurança e rapidez nas operações, independentemente do método de pagamento ou o canal de vendas. Conheça mais sobre a empresa no site: www.ingenico.com.br

1-10 of 52