Defesa de Dissertação de Mestrado N.º 549 - Andryw Marques, em 05/09, às 09hs

postado em 8 de ago de 2014 11:20 por Franklin de Souza Ramalho
Candidato: Andryw Marques
Título do trabalho: Explorando as relações entre os aspectos de novidades musicais e as preferências pelos ouvintes
Orientador(es): Nazareno Andrade

Data: 05/09/2014
Horário: 9hs
Local: LSD

Banca examinadora: Nazareno Andrade (orientador), Fabrício Benevenuto (UFMG), Luciênio de Macêdo Teixeira (UFCG) e Raquel Lopes (UFCG).

Resumo: A busca por novidades musicais, sejam elas músicas, álbuns ou artistas, é um aspecto central no hábito das pessoas quando se trata de música. E esta procura aumentou principalmente por causa da grande quantidade de música disponível e com fácil acesso proporcionado pelo avanço de tecnologias como Last.FM, Sportify, Youtube, Itunes, entre outros. Porém, devido a esta grande disponibilidade, nem sempre é fácil a descoberta de novidades que sejam relevantes. Para resolver este problema, muitos esforços foram elaborados. O presente trabalho tenta expandir estes esforços tratando a novidade de maneira multidimensional, de acordo com dois aspectos: familiaridade (o quanto o ouvinte conhece outras músicas/ artistas similares à novidade) e popularidade (o quão essa música / artista é conhecida pelos ouvintes em geral). O presente trabalho corrobora esta visão multidimensional da novidade, que é uma visão mais rica e que pode aperfeiçoar ferramentas que dão suporte a descoberta de novidades para ouvintes, como sistemas de recomendação, sites, fóruns, etc. Desta maneira analisamos as preferências dos ouvintes por artistas com novidade (artistas que nunca foram escutados anteriormente pelo ouvinte) baseadas nestes dois aspectos. Para isso foi estudado os hábitos de escuta dos usuário do Last.FM, rede social musical que registra o que os usuários escutam. Os resultados sugerem que não existe uma preferência geral dos ouvintes por algum aspecto das novidade. Os ouvintes tendem a formar grupos baseados nas preferências pelos aspectos das novidades. Estes resultados sugerem um tratamento específico para estes grupos de ouvintes, como um sistema de recomendação que leve em conta estas preferências. Outro estudo realizado neste trabalho compara as preferências dos ouvintes pelos aspectos tanto dos artistas com novidade quanto dos artistas já conhecidos. Este estudo apontou que as preferências dos ouvintes para estes dois âmbitos são diferentes, onde os ouvintes tendem a formar grupos baseados nestas diferenças de preferências. Este resultado implica que o âmbito das novidade e o âmbito do que já se conhece não deve ser tratado da mesma maneira.
Comments