Defesa de Qualificação de Doutorado - Danilo Freire de Souza Santos, em 06/03, às 08hs

postado em 8 de fev de 2015 03:58 por Franklin de Souza Ramalho
Candidato: Danilo Freire de Souza Santos
Título do trabalho: Controle de Fluxo de Dados Baseado em Contexto para Sistemas de Monitoramento Remoto de Pacientes
Orientador(es): Hyggo Oliveira de Almeida e Angelo Perkusich

Data: 06/03/2015
Horário: 8h
Local: Auditório do CEEI

Banca examinadora: Hyggo Oliveira de Almeida e Angelo Perkusich (orientadores), Augusto José Venâncio Neto (Universidade Federal do Rio Grande do Norte - Departamento de Informática e Matemática Aplicada. ), Marcos Ricardo Alcântara Morais (Universidade Federal de Campina Grande - Departamento de Engenharia Elétrica), Kyller Costa Gorgônio (UFCG), Leandro Dias da Silva (UFCG).

Resumo: O cenário introduzido pela Internet das Coisas potencializa a criação de um novo conjunto de aplicações e serviços, onde diversos dispositivos e sensores compartilham seus dados diretamente com a Internet. Nesse sentido, com a crescente disponibilidade de Dispositivos Pessoais de Saúde (DPS) com interfaces de comunicação sem fio, um novo cenário onde informações de saúde podem ser disponibilizadas na Internet se cria, viabilizando a Saúde Conectada. Em paralelo, com o advento de novas tecnologias de transmissão sem fio de baixo consumo, novos dispositivos de saúde são criados, os quais podem estar presentes em dispositivos integrados em nosso dia-a-dia, como relógios inteligentes e sensores corporais. Soma-se a esse cenário a crescente adoção de dispositivos portáteis pessoais como smartphones. Com isso, esses dispositivos viabilizam a criação de redes pessoais (PAN) interconectando diversos dispositivos acessórios e sensores presentes ao nosso redor concorrentemente. Em um Sistema de Saúde Conectada para o Monitoramento Remoto de Pacientes (MRP), em determinadas situações um conjunto de ações são necessárias para coletar dados de sinais vitais do paciente. Por exemplo, ao se constatar que um paciente está com a pressão arterial fora dos limiares adequados, um sistema de MRP pode requisitar que os sensores de ECG e glicose comecem a enviar dados em tempo real para a Internet, de modo que o mesmo seja capaz de realizar um diagnostico adequado e em tempo. Entretanto, ao viabilizar a criação de redes PAN interconectando diversos dispositivos, isso pode afetar requisitos de Qualidade de Serviço de DPS participantes de um processo de MRP, o qual deve ter prioridade sobre outros serviços. É nesse contexto de compartilhamento da rede PAN entre diversos dispositivos que se insere esse trabalho. Mais especificamente, propõe-se uma abordagem para o controle do fluxo de dados de saúde em Gateways pessoais, onde informação de contexto é utilizada para a determinação dos sensores participantes do processo de MRP. Contexto, portanto, é a caracterização de uma situação onde um conjunto de DPS está realizando uma sequência de ações em prol do processo de MRP. Nesse trabalho também é apresentada uma arquitetura de referência para um sistema de MRP padronizado para a Internet das Coisas. Por fim, apresenta-se um modelo de controle de fluxo de dados dinâmico aplicado à camada de enlace do Bluetooth Low-Energy, o qual será utilizado para uma avaliação experimental da solução proposta.
Comments