Defesa de Dissertação de Mestrado de Rivanilson da Silva Rodrigues

postado em 14 de fev de 2017 15:06 por Coordenação da Pós-graduação em Computação da UFCG

Candidato(a): Rivanilson da Silva Rodrigues

Título do Trabalho: Um estudo sobre os efeitos do Pensamento Computacional na Educação

Orientador(es): 

Wilkerson de Lucena Andrade

Lívia Maria Rodrigues Sampaio Campos

 

Data: 09/03/2017

Horário: 14:00:00

Local: Auditório do SPLab

 

Resumo: Garantir que a população tenha acesso a uma educação básica de qualidade não é uma tarefa fácil, segundo o mais recente relatório da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre a avaliação do PISA (Programme for International Student Assessment) realizada em 2012 aponta que 21.4% dos estudantes avaliados de 65 Países não atingiram o nível mínimo de proficiência em resolução de problemas para prosseguir na vida adulta e exercer sua cidadania. Especialmente no Brasil essa situação é ainda mais preocupante, pois esse número ultrapassa os 60%. Assim, buscar recursos educacionais que favoreçam o aprendizado de práticas de resolução de problemas é fundamental. Nesse sentido, pesquisas na área de Educação em Ciência da Computação (CC) indicam que o Pensamento Computacional (PC) definido como uma abordagem para resolução de problemas inspirada e que utiliza fundamentos, métodos e técnicas de CC, pode desenvolver e aprimorar habilidades de resolução de problemas, raciocínio algorítmico e sistêmico, decomposição de problemas e abstração, estas habilidades por sua vez, são extensíveis para áreas além da computação como, por exemplo, a Matemática, Ciências Naturais e até mesmo Humanas e Línguas. Contudo, ainda são poucos os estudos que apresentam evidencias quantitativas dos efeitos do PC na educação básica. Assim, muitos pesquisadores acreditam que os benefícios do PC na educação ainda não são claros, dessa forma, é necessário entender como avaliar e quais são seus efeitos no processo de aprendizagem formal. Nesse contexto, o objetivo geral deste trabalho foi analisar de forma quantitativa o efeito do PC desenvolvido pela programação de computadores na capacidade de resolução de problemas e no desempenho de estudantes no ensino básico. Buscamos responder a seguinte questão de pesquisa RQ: O PC desenvolvido pelo aprendizado em programação pode melhorar habilidades de resolução de problemas, bem como o desempenho de estudantes em disciplinas da educação básica? Para isso realizamos 4 estudos empíricos que envolveram as metodologias de pesquisa-ação e expost facto. Os resultados encontrados em cada estudo convergiram de modo geral e indicam que PC pode de fato contribuir para o desenvolvimento ou aprimoramento de habilidades de resolução de problemas, bem como seus benefícios podem ser extensíveis para áreas do conhecimento avaliadas durante a educação básica brasileira.

 

Banca Examinadora:

(Membros Internos)

Dalton Dario Serey Guerrero

(Membros Externos)

Eduardo Henrique da Silva Aranha, UFRN

Comments